Faixas

 Distribuição e vendas : www.robdigital.com.br 

 

1. Veneno que cura     

(Zé Paulo Becker / João Pimentel)

Um samba moderno, que já tinha sido gravado em versão instrumental, recebeu letra de João Pimentel.Destaque para a flauta jazzística e vigorosa de Humberto Araújo e da pegada da percussão de Beto Cazes com a utilização das congas no samba.

Veneno que cura by Beth Marques

Músicos:
Humberto Araújo – flauta transversa e pícolo
Zé Paulo Becker – violão
Beto Cazes – percussão
Guto Wirtti – baixo acústico

 

2-Amor ausente

(Paulo César Pinheiro)

Pinçada do disco maravilhoso de inéditas de Paulo César Pinheiro. Destaque para a trama dos violões de seis e sete fazendo contrapontos em terças como nos antigos regionais, mas usando uma linguagem mais moderna.

Amor Ausente  (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Rogério Caetano – violão de sete
Zé Paulo Becker – violão
Bernardo Aguiar – pandeiro
Paulino Dias – percussão
Beto Cazes – percussão

 

3-Bordadeira

(Dudu Lacerda)

O maracatu que eu tanto queria gravar. Inédita de Dudu Lacerda. Chamei meus alunos da Maré, que tocaram lindamente, me deixando mais do que feliz. A gravação ainda conta com os os pifes do mestre dos sopros Carlos Malta que arrematou o bordado da melhor maneira possível.

Bordadeira by Beth Marques

Músicos:
Zé Paulo Becker – violão e viola
Carlos Malta – pífanos
Participação especial: Marecatu 0Leandro Pereira, Shyrlei Rosendo, Jackson dos Santos, Jalison dos Santos, Iordan, Kevin, Wallace Ignácio, Walace, Lucilaidi, Sara, Wagner.

 

4-Mané Fogueteiro

(Braguinha)

Queria muito cantar algo de Guinga e ao pesquisar sua discografia ouvi pela primeira vez essa composição do mestre Braguinha. A interpretação de Guinga é de tamanha beleza e sabedoria que me apaixonei imediatamente por ela. Assim, com a benção do querido Guinga, essa faixa entrou no CD.

Mané Fogueteiro (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Participação especial e arranjo : Trio Madeira Brasil
Zé Paulo Becker – violão
Marcelo Gonçalves – violão de sete
Ronaldo do Bandolim – bandolim

 

5-Há Miles que vem pra bem

( Zé Paulo Becker/Aldir Blanc)

Destaque pro Gabriel Grossi, na sua gaita maravilhosa. Filipe diz, que essa faixa fica pra história por causa das costuras do violão de sete do Rogerinho. A letra, de estilo inconfundível, é do mestre e amigo Aldir Blanc.

Há Miles que vem pra bem (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Gabriel Grossi – gaita
Zé Paulo Becker – violão
Henri Lentino – bandolim
Flávinho – surdo
Bernardo Aguiar-Pandeiro
Rogério Caetano – violão de sete

 

6-A mãe d’água e a menina

(Dorival Caymmi)

Uma pérola de Dorival Caymmi. Como professora de música da Escola Parque, lá comecei um projeto de Coral com crianças e colocamos essa música no repertório. Ficou tão boa, que as convidei para participar do CD.  Sou suspeita, mas adorei o belo arranjo de sopros do Zé Paulo Becker.

A Mãe d’água e a Menina  (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Zé Paulo Becker- arranjo e violão
Rui Alvim – clarinetas e clarone
Guto Wirtti – baixo acústico
Eduardo Neves – flauta transversa
Carlos César – bateria
Alessandro Valente – cavaquinho
Participação especial: Coro Colorido
João, Ana Carolina, Maria Clara, Marina, Max, Carolina, Jasmim, Hanna

 

7-Tanta Saudade

(Chico Buarque/Djavan)

Fizemos uma levada bem salseada, para essa música caribenha do Chico e Djavan. Ressaltada pelos montunodo piano do Ivo Senra.

Tanta Saudade (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Ivo Senra – piano
Zé Paulo Becker – violão
Leandro – trumpete
Beto Cazes – percussão
Guto Wirtti – baixo acústico

 

8-Cunhatã

(Zé Paulo Becker/Roque Ferreira)

Música inédita do Zé com o Roque. Gravamos primeiro as bases e o acordeon do Kiko. Mais tarde, ela  ganhou umarranjo de cordas sofisticadíssimo do Mestre Leandro Braga.

Cunhata~  by Beth Marques

Músicos:
Leandro Braga – arranjo e direção
Zé Paulo Becker – violão
Kiko Horta – acordeon
Bernardo Aguiar – percussão
Pedro Mibielli Frederico – violino1
Glauco Fernandes Cruz – violino 2
Jesuina Noronha Passaroto – viola
Marcus Ribeiro de Oliveira – cello
Alessandro Valente – cavaquinho
Participação especial: Coro Colorido (João, Ana Carolina, Maria Clara, Ana Carolina, Marina, Max, Carolina, Nina e outros)

 

9-Refém da Solidão

(Paulo César Pinheiro/ Baden Powell)

Clássico de Baden e Paulo César Pinheiro que ganhou ares de modernidade com a participação do Tira Poeira.

Refém da Solidão (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Participação especial e arranjo : Tira Poeira
Caio Márcio – violão
Henry Lentino – bandolim
Samuel DeOliveira – sax alto
Fábio Nin – violão de sete
Sérgio Krakowski – pandeiro

 

10-Novos Tempos

(Claudio Jorge)

Part. especial : Claudio Jorge

Samba do Claudio Jorge que tem a única participação especial vocal do disco. Um versão menos óbvia sem violão, calcada no piano suingado de Itamar Assiére.

Novos Tempos (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Itamar – piano
Humberto Araújo – saxofone
Beto Cazes – percussão
Paulino Dias – percussão
Romulo Duarte – baixo

 

11-Rabo de Galo

(Zé Paulo Becker/Roque Ferreira)

Outra inédita. Um baião de Zé Paulo Becker com Roque Ferreira. Riqueza da letra que fala do folclore do nordeste com termos como “Sorriso de Silibrina”, Siridó, Cariri e Mandacaru. Roque tem uma cultura profunda e fala desses assuntos com propriedade. A harmonia do baião remete ao blues.

Rabo de Galo (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Zé Paulo Becker – violão e viola
Kiko Horta – acordeon
Bernardo Aguiar – triângulo
Cris Mourão – zabumba e pandeiro

 

12-Samba de Rodá

(Roque Ferreira)

Quando eu comecei a pensar no repertório pra este disco, por volta de 2006, Luis Filipe me apresentou a Roque Ferreira, maravilhoso compositor do Recôncavo Baiano. Esta foi a primeira música, depois de várias outras que me apaixonei. É a única inédita do disco que tem letra e música do mestre.  O arranjo foi pensado num estilo samba carioca.

Samba de Rodá (trecho) by Beth Marques

Músicos:
Eduardo Neves – flauta transversa
Zé Paulo Becker – violão
Alessandro Valente – cavaquinho
Guto Wirtti – baixo acústico
Beto Cazes – percussão
Paulino Dias – percussão
Coro – Mariana Bernardes, Juliana Prado, Valéria Lobão, Zé Paulo Becker, Eduardo
Lacerda